Portugal  •  Desporto  •  Economia
 Internacional  •  Vida  •  Mais Secções
‹
|
‹
T-
|
T+
Publicado hoje às 17:14
Moradores pedem suspensão imediata das demolições nas Ilhas da Ria Formosa
Maria Augusta Casaca
Ria Formosa - Ilha do Farol
Foto: Global Imagens/Virgílio Rodrigues
Dez autocarros, transportando quase 500 pessoas, partem na sexta-feira bem cedo para Lisboa em direção ao Parlamento. Os moradores das Ilhas do Farol e dos Hangares querem assistir à votação dos projetos de resolução do PCP, PS e BE e mostrar que não vão desistir de lutar.

Os projetos, que serão votados pelos deputados, pedem a suspensão imediata das demolições nas Ilhas da Ria Formosa.

Tanto as Associações das Ilha do Farol como dos Hangares lembram que as casas que agora são consideradas ilegais pela Sociedade Polis foram autorizadas ao longo dos anos pelo Estado, que colocou nestes locais água, eletricidade e esgotos.

Salientam ainda que estes núcleos habitacionais são históricos pois existem há mais de uma centena de anos.

A Sociedade Polis Ria Formosa já começou as demolições e nesta altura avança com as máquinas na Praia de Faro. No total estão previstas ir abaixo 794 casas nestas ilhas.

‹ Anterior Seguinte ›
Partilhar
Notícias Relacionadas
Demolições da Sociedade Polis Ria Formosa continuam a gerar polémica
Mais de 800 casas ilegais vão ser demolidas na orla costeira
Serviços
Cinemas
|
Farmácias
Tempo
|
Totojogos
Siga-nos
T+
|
T-
Tamanho do texto
Versões:Texto|Mobile|PC
ControlInveste Direitos Reservados
Sites MobileAO|Dinheiro Vivo|DN|JN|TSF|O Jogo|Ocasião
Anuncie|Contactos|Ficha Técnica
Termos e Condições