Portugal  •  Desporto  •  Economia
 Internacional  •  Vida  •  Mais Secções
‹
|
‹
T-
|
T+
Publicado dia 11/03/2014
Passos: Assinar manifesto enviaria sinal errado aos credores internacionais
Pedro Passos Coelho
Foto: Global Imagens
O primeiro-ministro disse hoje que se assinasse o manifesto hoje dado a conhecer para a reestruturação da dívida estaria a pôr em causa o cumprimento das metas orçamentais e a enviar a «mensagem errada».

«Se eu hoje quisesse por em causa o financiamento do país e destas políticas públicas, subscreveria o manifesto que hoje foi dado a conhecer e nessa medida tinha a certeza de estar a enviar a mensagem errada a todos aqueles que esperam que Portugal cumpra as suas realizações», disse Pedro Passos Coelho numa intervenção em Lisboa, na cerimónia de inauguração das novas instalações da Polícia Judiciária.

O governante falava no dia em que o jornal Público dá conta de um manifesto, assinado por cerca de 70 figuras da política de esquerda e de direita, que apela à reestruturação da dívida pública do país.

Pedro Passos Coelho sublinha que «nem sempre» o que se toma por ideal se pode concretizar da forma «mais fácil ou óbvia» e «muitas vezes são os caminhos mais difíceis» os que garantem «caminhos mais duradouros».

Artigo Completo|Página1de2
‹ Anterior Seguinte ›
Partilhar
Notícias Relacionadas
Autores do Manifesto dos 70 lançam petição para chegar ao Parlamento
Manifesto dos 74 apoiado por 74 economistas estrangeiros
Manifesto dos 70 confirma necessidade «urgente» da renegociação, diz Jerónimo
Manifesto dos 70 é «triste» e «mensagem errada no momento errado», Carlos Moedas
Sevinate Pinto não se arrepende de ter assinado manifesto
Cavaco exonerou os dois consultores que assinaram o manifesto dos 70
Manifesto dos 70 é «masoquista» e «inoportuno», diz Paulo Rangel
Teodora Cardoso: Esta «é a pior altura» para discutir reestruturação da dívida
Bruxelas assegura que dívida portuguesa é sustentável
«A dívida portuguesa é sustentável», defende ministra das Finanças
Passos: Reestruturar a dívida é o caminho errado para Portugal
Manifesto sobre reestruturação da dívida é «irresponsável»
Governo otimista apesar de desafios constantes, diz Poiares Maduro
FÓRUM TSF: O manifesto dos 70
Dois consultores de Cavaco assinam manifesto pela reestruturação da dívida
Catarina Martins acusa Passos de tentar enganar portugueses
Grupo de personalidades assina manifesto pela reestruturação da dívida
Serviços
Cinemas
|
Farmácias
Tempo
|
Totojogos
Siga-nos
T+
|
T-
Tamanho do texto
Versões:Texto|Mobile|PC
ControlInveste Direitos Reservados
Sites MobileAO|Dinheiro Vivo|DN|JN|TSF|O Jogo|Ocasião
Anuncie|Contactos|Ficha Técnica
Termos e Condições